Pages

domingo, 5 de setembro de 2010

Reencontrar.


"A vida é a arte do encontro 
embora haja tanto desencontro pela vida"
                              
                                Vinicius de Moraes






Ontem eu tentei te falar mas não tive forças para te ouvir
Respostas silênciadas na madrugada fria!
Sinto tua falta mas me distancio como se houvesse razões de tantos desencontros
Eu fugi dos momentos que me surpreendia, da fé que acalma a chuva, da verdade que oferece vida a todo meu caminhar. Há tempos eu tento correr para os teus braços mas te renego, como posso agir assim desse jeito?
Estou fraca , totalmente perdida em meu interior.
Sei que me falta tua voz serena aproximada que afastei ao me ouvir, ouço distante como quando se está sonolenta e tu me diz baixinho
-Volta pra mim!
Eu apenas me calo, me retraio nos pensamentos mais secretos e choro.
Eu só quero retornar a minha paz, eu só quero enconstar nos teus cais 
Quero olhar em teus olhos e te sentir.
Eu só quero descansar e redescobrir a força que o Teu amor me traz.
Eu te chamo, te reencontro, volto pra ti e a dizer:
-Eu ainda te amo!
E neste instante a delicadeza dos movimento dos meus lábios diz : vale a pena sorrir.



Um comentário:

  1. Você pode voltar e vc sabe que pode!

    Fico feliz de vc ter ouvido o que eu te disse sobre escrever...

    É sempre um prazer te ler!

    Bjs, Amiga!
    Ah..e volta, volta que Ele está lá te esperando!

    ResponderExcluir

On line

Pesquisar este blog

Postagens populares

Total de visualizações de página